Setembro Amarelo

Compartilhe esse post

Olá Setembro!
Esse é o mês em que falamos de um assunto muito importante: a prevenção de ao suicídio e cuidado que devemos ter sobre a saúde mental.

O QUE É SETEMBRO AMARELO
O Setembro Amarelo é uma campanha idealizada pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), em parceria com o Conselho Federal de Medicina (CFM) para conscientizar sobre a prevenção do suicídio, buscando alertar a população a respeito da realidade da prática no Brasil e no mundo.

A campanha existe para abordar uma série de questões relacionadas à saúde mental, que influencia o comportamento e ações das pessoas, mas ainda é um tabu em alguns cenários, apesar dos números alarmantes.

Dados da OMS (Organização Mundial de Saúde) mostram que, a cada 40 segundos, uma pessoa tira a própria vida. Por ano, mais de 1 milhão de suicídios acontecem em todo o planeta. No Brasil, são registrados mais de 12 mil suicídios, e os números só têm aumentado nos últimos anos.

Uma pesquisa promovida pela Fiocruz @oficialfiocruz, intitulada “Violência autoprovocada na infância e na adolescência” identificou 15.702 notificações de atendimento ao comportamento suicida entre adolescentes nos serviços de saúde.

Ainda segundo a pesquisa apesar de praticamente não haver estatísticas sobre o comportamento suicida em crianças no mundo, no período de 2006 a 2017, foram identificados 58 óbitos de crianças brasileiras decorrentes desta causa, com a maioria sendo do sexo masculino, de cor da pele branca e com 9 anos de idade.
E segundo a OMS, o suicídio é a segunda principal causa de morte entre jovens com idade entre 15 e 29 anos.

COMO EU POSSO AJUDAR?
O Setembro Amarelo existe para abrir diálogo, ouvir e alertar.
Todo e qualquer local de circulação de crianças e jovens, deve sempre ser um espaço de acolhimento e escuta ativa.

Se um amiguinho do seu filho, aluno ou seu próprio filho parece mais desanimado do que de costume, é importante ouvir.
Crianças e adolescentes estão aprendendo a lidar com as suas emoções e assim como todos nós, tem seus próprios desafios e medos.

A pesquisa da Fiocruz identificou sobre o ato que praticamente todos identificaram vários motivos disparadores. Entretanto, é recorrente a constatação de que as motivações para as tentativas entram em um contexto de vida já marcado por grande mal estar emocional, desafetos, insatisfações e vulnerabilidades. Violências e problemas na família, desentendimentos e rompimentos com namorados, abuso sexual, bullying, abuso álcool e drogas, assalto, pressão escolar, obesidade e a interação em redes sociais virtuais, como Youtube, WhatsApp e comunidades especializadas foram expostas.

Como proteger crianças e adolescentes?
Cuidando das relações, incentivando a interação social, oferecendo apoio especializado e muita atenção aos comportamentos e principalmente oferecendo informações sobre o assunto e apoiando o cuidado médico.

A Casa poppis é um local para criar, sonhar e realizar uma infância saudável, feliz, de descobertas, coexistência e crescimento, mas também é um local de informação e trocas.

Compartilhe ou marque alguém que precisa saber mais sobre o Setembro Amarelo.

“Há momentos em que tudo o que a gente precisa é dar colo para o coração”
Autor desconhecido

Você também pode gostar

São Paulo: Chegamos!

Com grande alegria, anunciamos a abertura do nosso primeiro Quintal além das fronteiras do Paraná! A sede franqueada Lapa, localizada no bairro Lapa, na cidade de São Paulo, está agora

Nova coluna no site da rádio Caiobá FM

Reflexões e conhecimento sobre a infância agora você também poderá acompanhar a nossa coluna editorial no site da Rádio Caiobá FM. Deguste sem moderação! https://www.caiobafm.com.br/filhos-em-casa-em-dias-chuvosos-e-agora/

plugins premium WordPress